Pele negra pode receber micropigmentação, sim!

Pele negra pode receber micropigmentação, sim!

Existem algums mitos relativos à micropigmentação em pele negra. Um dos principais preconceitos é o que diz que todo pigmento tende a ficar acinzentado na pele. Para provar que a pele negra pode receber diversas técnicas e diferentes pigmentos, os micropigmentadores Andre Lima e Filipe Rodrigues estão desenvolvendo um trabalho específico.

Os dois estão micropigmentando peles dos fototipos 5 e 6 com diferente técnicas e pigmentos. “Sempre dizem que as peles negras não pegam o pigmento. Estamos provando o contrário”, comenta Filipe.

O master Mag Andre destaca que a cor adequada junto de uma técnica adequada faz bons resultados. Ele, no entanto, ressalta que a pele negra requer cuidados. Embora apresente uma maior resistência ao sol e aos efeitos do envelhecimento em relação aos demais fototipos, ela pode manchar com agressões. Devido a sua maior concentração de melanina, regiões da pele que sofreram queimaduras, acnes ou procedimentos estéticos, tendem a ter manchas escuras.

Ainda por conta  da hiperpigmentação da pele, os pigmentos usados na sobrancelha devem ser escolhidos com cautela. “Assim evitamos que o trabalho de micropigmentação em pele negra não degrade para tons indesejáveis”, lembra Filipe, mineiro de Belo Horizonte e que ministra cursos de micro e faz micropigmentação no país todo.

André destaca ainda que “estudar a colorimetria é a melhor opção para um procedimento perfeito de micropigmentação”. “É um mito pensar que a micropigmentação em pele negra só pode ser feita com pigmento castanho intenso, por exemplo”, diz Andre.

No segundo dia da 12ª Beauty Fair (10/09), Filipe Rodrigues fez o procedimento na cantora Sarah. Negra, nascida em Salvador, ela se encantou com o resultado. “Foi maravilhoso. Nunca tinha feito micropigmentação e o resultado é incrível. Não imaginava que ficaria tão bem. Realmente muda a expressão do rosto”, comentou.

Para 15ª Jornada de Micro, a dupla Andre e Filipe prepara uma surpresa com o trabalho em peles negras. Não perca então essa chance de ver de perto esse trabalho inovador. Garanta seu convite.

 

 

 

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *